Como Transcrever Áudio com MuseScore

Configuração de secretária com microfone, computador e teclado para transcrição de partituras
Componha melhor as suas notas com as transcrições que faz no Musescore.

Transkriptor 2023-02-03

Criação, reprodução e impressão gratuita de partituras. É de fonte aberta, multi-plataforma, e em múltiplas línguas. Eis como transcrever áudio com MuseScore!

O que é MuseScore?

MuseScore é um software de notação musical gratuito e de código aberto que permite aos utilizadores criar, editar, e partilhar partituras. Fornece uma vasta gama de funcionalidades para a criação e edição de notação musical.

Inclui suporte para símbolos e notações musicais comuns, uma vasta gama de modelos e layouts, e a capacidade de exportar para vários formatos de ficheiro.

MuseScore inclui também um sintetizador incorporado e uma gama de fontes de som que podem ser utilizadas para reproduzir a música. Está disponível para plataformas Windows, macOS, e Linux.

Os assinantes do software são principalmente compositores de canções. O software é útil para treino de ouvido e habituação à teoria da música para principiantes.

O que é a Sheet Music?

transcrição de notações musicais

A música em folha é uma representação escrita da música. Consiste tipicamente numa notação musical   e numa letra, se a peça tiver alguma, escrita num pau, que é um conjunto de cinco linhas e quatro espaços que representam diferentes grampos.

Para além de MuseScore, Sibelius, Finale, Dorico, Audacity, ou AnthemScore também cria partituras. Além disso, é possível converter um ficheiro MP3 ou WAV em partituras de música de passagem, utilizando o MuseScore ou um dos outros programas de software.

Quais os formatos de ficheiro que o MuseScore suporta?

MuseScore suporta uma variedade de ficheiros formatos para importação e exportação de pontuações.

Para a importação de , MuseScore abre ficheiros nos seguintes formatos:

    • MuseScore (.mscz, .mscx)

    • MusicXML (.xml, .musicxml)

    • MIDI (.mid, .midi)

    • Capella (.cap)

    • Band-in-a-Box (.bb)

    • GPX (Guitar Pro 6)

Para exportando, MuseScore exporta ficheiros nos seguintes formatos:

    • MuseScore (.mscz, .mscx)

    • MusicXML (.xml, .musicxml)

    • MIDI (.mid, .midi)

    • Ficheiros áudio WAV e MP3

    • Ficheiros de imagem PDF e PNG

    • Lilypond (.ly)

Como usar o MuseScore?

Aqui estão as instruções passo-a-passo para usar o MuseScore, tudo o que precisa para criar e editar partituras:

  • Descarregar e instalar o MuseScore no seu computador.
  • Abrir o programa e criar uma nova pontuação clicando no botão “New Score” ou indo a “File > New”.
  • Escolha o tipo de partitura que pretende criar, como uma partitura para piano ou uma partitura para um instrumento específico. Também se pode escolher um modelo para começar.
  • Uma vez a partitura aberta, pode iniciar introduzindo notas usando o teclado do seu computador ou clicando nas notas com o rato no teclado virtual do piano, no lado esquerdo do ecrã.
  • Utilize as ferramentas   na barra de ferramentas “Note Input” para introduzir notas de diferentes maneiras, como por exemplo, por passo-tempo ou entrada em tempo real.
  • Utilizar as janelas “Palette” e “Inspector” para adicionar símbolos e notações, tais como calúnias, dinâmicas, e articulações.
  • Utilizar os menus “Layout” e “Formatar” para ajustar o aspecto da partitura, tal como o tamanho da pauta e a posição das notas.
  • Utilizar o menu “Symbols” para adicionar símbolos especiais , tais como diagramas de acordes ou trastes de guitarra.
  • Utilizar o menu “Play” para reproduzir novamente a partitura e ouvir o seu som. Também pode utilizar o “Mixer” para ajustar o volume e o equilíbrio das diferentes partes.
  • Uma vez terminada a edição, pode salvar a partitura indo a “File > Save” ou “File > Save As”, ou pode exportá-la numa variedade de formatos de ficheiro, tais como PDFs, ficheiros MIDI, ou ficheiros MusicXML.
  • Quando terminar a edição, a reprodução começa automaticamente no MuseScore. Para obter informações detalhadas, consulte a página de tutorial MuseScore ou os vídeos completos do Musician Startup no MuseScore.

Como Transcrever Áudio com MuseScore?

MuseScore não converte directamente áudio ao texto , mas faz transcrição de música. É utilizado para transcrever música de gravações musicais; no entanto, não dá formas textuais.

  • Abrir MuseScore.
  • Carregar o ficheiro áudio.
  • Escolha uma peça de música que deseja transcrever.
  • Primeiro, cria spectrograms da gravação áudio que pode ser posteriormente convertida em partitura.
  • Alterar o compasso, a assinatura chave, ou o tempo para qualquer medida na canção.

É possível mudar a oitava no MuseScore 3 e transpor a oitava para cima ou para baixo.

Uma vez terminada a criação da sua partitura musical, exportá-la como um ficheiro PDF, MIDI, MusicXML, ou ficheiro áudio para a partilhar ou imprimir.

Perguntas Frequentes

O MuseScore é gratuito?

O software MuseScore permanecerá gratuito e sem restrições. No entanto, as aplicações e os sítios Web associados ao MuseScore também são gratuitos, mas têm algumas limitações. Se pretender aceder a funcionalidades adicionais, terá de atualizar para uma conta PRO.

A MuseScore pode exportar PDFs?

MuseScore permite-lhe criar outros ficheiros para além do MuseScore, como MusicXMLs, MIDIs, e PDFs. O diálogo Exportar permite-lhe escolher o formato a exportar.

Porque é que algumas notas são verdes e vermelhas no MuseScore?

Se as notas estiverem fora do alcance de um jogador profissional, MuseScore irá colori-las de vermelho, enquanto que se estiverem fora do alcance de um amador precoce, será amarelo escuro/verde vivo.

Tal como pode transcrever notações musicais com MuseScore, pode transcrever todos os outros ficheiros áudio e transformá-los em texto com Transkriptor !


Experimente aqui

Partilhar publicação

Fala para texto

img

Transkriptor

Converta seus arquivos de áudio e vídeo em texto